educação, ESCOLA, filhos, papo de mãe

Helena vai mudar de escola, e agora?

Faz pouco tempo fiz um post bem bacana sobre a Helena, seu aprendizado e a experiência que estava tendo com sua atual escola. Helena se adaptou muito bem a escolinha desde o começo, foi tudo leve e tranquilo e todas as certezas estavam seguras dentro do meu coração de mãe. Helena feliz, escola certa! Mas como as novidades sempre vêem quando menos esperamos, este ano na escola ela iniciou aulinhas de inglês, 3 x por semana: e então Helena passou voltar para casa cantando em inglês, cheia de charme , contando os números e super animada com a nova língua. E então novamente, todas as certezas se tornaram dúvidas…

mudança de escola

Com seu interesse pela segunda língua, me animei a colocá-la em uma aula de inglês, externa. Como já havia comentado no post anterior.

A minhas escolhas, na maioria das vezes, são guiadas pelo comportamento da Helena: e então tudo muda de repente! E eu vou buscando seu melhor e adaptando aonde posso para estimular as áreas aonde ela está se interessando. Eu nunca achei que fosse colocar minha filha na escola tão cedo (ela entrou com 1 ano e 9 meses) mas na época Helena estava com “tanta sede” de brincar com outras crianças que não tive outra opção: e então ela entrou na escola e ficou suuuper bem!

E a decisão de aproveitar o momento e seu interesse genuíno pelo “inglês” partiu do comportamento dela, ela quer cantar as músicas dos filmes da Disney em inglês, pede para aprender a falar…

Eu não falo muito bem inglês, e antes de engravidar achava que iria colocar a Helena em escola bilíngue (ou americana) desde pequena…mas depois que Helena nasceu (AS CERTEZAS MUDAM rs) e preferi dar prioridade a ela aprender a “falar logo” – “se expressar” -  do que já iniciar em 2 línguas. E hoje, Helena com 3 anos e 5 meses fala muito bem! Não tenho dúvidas de que a escolha foi ótima! Helena conversa muito bem sobre qualquer assunto e aprende palavras novas diariamente: escuta, aprende, assimila e repete!Se comunica e se expressa sem problema algum.

E então mais uma vez eu mudo de idéia rs.

Com o interesse da Helena pelo inglês, voltei a repensar na escolha de uma escola americana. E a certeza de meses atrás já ficou para trás…e ser mãe hoje, para mim, é isso! Respeitar as escolhas e os interesses do comportamento do seu filho!

E a poucos dias a decisão foi tomada: Helena vai sim mudar de escola! Só que agora, quem está insegura aqui é a mãe! (Oh meu Deus!)

O que meu coração me diz é para ficar calma, pois nossos filhos sentem nossa insegurança. Mas mamães, é difícil pacas ás vezes né?

O que eu tenho feito muito ultimamente é conversado com a Helena sobre a decisão, já visitamos a escola e ela adorou, e com muita calma e amor explico a ela que estarei sempre, mas sempre ao seu lado para apoiá-la e ajudá-la! Assim, espero que ela se sinta segura que estamos, juntas, no caminho a procura de seu melhor e de coisas bacanas para seu futuro!

Quem aqui já passou por esta situação? Alguma dica?

Beijos,

Ana

Comente!