life, LIFESTYLE, papo de mãe, papo de mulher

Amor de mãe

O fotógrafo Ken Heyman, de 83 anos encontra em um envelope antigo intitulado “mães” uma séria de fotos tiradas ao longo de sua carreira. As imagens,  falam mais que palavras e nos mostram que o amor de mãe é sempre, desde sempre o mais forte! E então o ditado “mãe só muda de endereço” fica mais atual do que nunca: o amor de mãe não muda de tempo e nem de endereço!

As fotos foram tiradas para o livro  “Família” que ele então co-autoria com a renomada antropóloga Margaret Mead, em 1965. Margaret Mead sua até então professora.

As imagens das mães de mais de meio século atrás pouco diferem das mães modernas, contemporâneas de hoje e sua colaboração antropológica é clara: a maternidade em todo o mundo, não apenas do ponto de vista de uma mesma cultura tem a base da relação materna o amor, atenção e companheirismo.

ken-heyman1ken-heyman2ken-heyman3ken-heyman4ken-heyman5ken-heyman6

ken-heyman7ken-heyman8ken-heyman10ken-heyman11ken-heyman13ken-heyman14ken-heyman15ken-heyman16ken-heyman17ken-heyman19ken-heyman20ken-heyman21ken-heyman22ken-heyman23ken-heyman24ken-heyman25

imagens: http://kenheyman.photoshelter.com/

Comente!