papo de mãe

Amizade a incrível ferramenta do bem estar…

Estar entre amigos é dos maiores prazeres da vida. Damos risadas, choramos, nos lamentamos, falamos de nossas próprias fraquezas, nos orgulhamos de nossas vitórias e até de nossos medos mais profundos.

Falamos besteira, palavrão, cometemos erros, e o mais incrível, quão burras podemos ser na frente das amigas. Eu mesma já falei cada uma. Ainda bem que foi na frente da.que.la amiga, caso contrário morreria de vergonha.

Mas porque nos sentimos mais a vontade na frente de algumas e de outras nem tanto? Segundo Aristóteles, existem 3 tipos de qualidade de amizades:

1- amizade segundo o prazer – aquelas que mantemos porque existe uma relação onde se proporcionam coisas agradáveis e prazerosas uma para com as outras. Por exemplo, tem amigas que são ótimas pra viajar, ir ao shopping, balada etc.

2- Amizade segundo a utilidade – assim como a amizade por prazer, nessa relação pouco importa o temperamento, índole ou natureza do outro. O que importa é a utilidade. Por exemplo, tem amigas que nos ajudam no dia a dia com as crianças, aquela amigona que sempre nos dá carona, está sempre disponível para facilitar algo e que facilitamos algo também.

3- Amizade segundo a virtude – esse tipo só se estabelece entre pessoas boas e iguais em virtude, são pessoas boas em si mesma. Essa é a mais rara das amizades. Esse tipo só é possível entre pessoas que realmente desejam o bem uma a outra de modo idêntico. Por exemplo, aquela amiga que você diz: Nossa como somos iguais, sentimos iguais, mesmo quando agimos de forma diferente. Aquela amiga que você sabe exatamente o que está sentindo porque a conhece como a si mesma.

A verdade é que somos todos sociáveis. Historicamente, sempre buscamos a convivência. O acolhimento do outro é o mais importante mecanismo para tornar nossas angustias e dificuldades mais fáceis de viver e superar.

O maior estudo já realizado pela Universidade de Harvard sobre o que faz uma pessoa ser saudável a resposta foi a AMIZADE. Ficou a frente da genética, bons hábitos, alimentação e riqueza. E segundo o estudo, se as amizades forem novas é ainda melhor.

Tão importante quanto ter amigos de infância é fazer amigos a vida inteira.

Precisamos estar sempre disponíveis para o outro. A amizade é a ferramenta mais poderosa que temos para nos fazer bem e promover o bem. Não importa se virtual ou real, a verdade é uma só temos obrigação de ser feliz, e vamos falar a verdade, tudo que fazemos acompanhadas é muito mais legal e divertido.

Ser amigo e ter um amigo faz muito bem ao coração.

Comente!