alimentação, Gravidez, hormonios, maternidade

Desejos de Grávida! Todo mundo tem?

 

 

Acho que não existe no mundo uma grávida que nunca tenha tido um desejo, pelo menos eu não conheço!

Tenho uma amiga que teve desejo de comer graxa branca, rsrsrs isso mesmo, graxa, ela não teve coragem, só sentiu o cheiro, achou esquisito mas matou a vontade!

Meus desejos de grávida na minha primeira gestação, foram de comer tudo que tinha côco: cocada, bala de coco, bolo, beijinho… e foram 9 meses assim, rsrs.

Já na gravidez do Matteo, eu tive desejo de comer sanduíche de cheddar do Mc Donald’s, sendo que eu não gostava deste tipo de lanche, comia pelo menos uma vez por semana, dava uma vontade louca. (algumas pessoas vão me chamar de louca, mas era apenas uma grávida com desejos rsrs). Nesta gestação ainda não tive desejos, pois ainda passo muito mal e tenho muitos enjoos.

Minha Nutri disse, que esses desejos de grávida, são sinais do corpo pedindo nutrientes que estão faltando no organismo. Pesquisei mais sobre e aqui e encontrei algumas explicações.

 

Refluxo

No começo da gravidez é comum a gestante ter vontade de comer só batata, arroz, massa, biscoitos e, principalmente, doces. Está aí a explicação para querer colocar açúcar em tudo, inclusive em alimentos que, digamos, não combinam em nada. E faz sentido, pois os carboidratos são rapidamente digeridos pelo organismo, e, como eles não ficam “parados” no estômago, evitam os refluxos. (fonte Revista Crescer)

 

Náuseas

Aquele líquido ácido que teima em voltar à boca a todo o instante, o famoso “gosto de cabo de guarda-chuva”, é comum no primeiro trimestre da gravidez e acontece não só por conta das mudanças hormonais, que modificam as papilas gustativas, mas também pela falta de vitaminas do complexo B, sobretudo a B6. “Elas contribuem para a construção de células novas e estimulam a formação dos ácidos digestivos, o que favorece o esvaziamento gástrico, aliviando as náuseas”. Algumas grávidas ficam viciadas em oleaginosas (pistache, avelã, castanhas ou nozes). Elas estão certas! Esses grãos contêm boas doses dessas vitaminas e parecem “empurrar” mesmo o líquido ácido para o estômago. (fonte Revista Crescer)

 

Anemia

Há ainda os desejos específicos e inusitados, como vontade de devorar terra e tijolo. Isso pode ser sinal de falta de ferro e, portanto, uma anemia. “Não se sabe ao certo por que isso ocorre, mas como o ferro está ligado a importantes neurotransmissores, acredita-se que, quando há falta do mineral no organismo, o cérebro dá sinais ao metabolismo e disparam essas vontades”. É óbvio que comer tijolo não vai trazer os nutrientes que a gestante precisa. Na maioria dos casos, é necessária a suplementação. (fonte Revista Crescer)

 

Enjoos Matinais

Os enjoos, principalmente no período da manhã, são comuns na gravidez e atingem mais da metade (algumas pesquisas apontam até 90%) das grávidas. No desespero de dar uma acalmada nesse mal-estar, muitas sentem desejos por frutas cítricas, como laranja, abacaxi, tangerina e limão. E isso realmente faz sentido, já que os alimentos cítricos também contêm boas doses de vitamina B, que amenizam esse incômodo. (fonte Revista Crescer)

 

Emoções

Essas vontades também podem estar ligadas a fatores psicológicos, na gestação, a mulher fica sensível, emotiva e chora com facilidade. Uma forma de suprir essa carência afetiva é por meio da comida. (fonte Revista Crescer)

 

Eu estou louca para acabar essa fase chata de enjoos para eu ter muitos desejos de grávida e comer tudo que eu gosto, hehehe, pois vamos combinar, tem coisa mais gostosa do que comer quando tem vontade e oq tiver vontade?
E desejos loucos? Me contem se tiveram?

 

bjos

Dani

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comente!